Quando eu conheci a história de Pablo Escobar fiquei muito curioso a respeito do que teria acontecido com os integrantes de sua família após a sua morte, o que teria acontecido com toda a fortuna que ele havia acumulado, com todos os bens que haviam sido comprados? Então, eu resolvi pesquisar e trazer para vocês tudo o que encontrei a respeito da família de Escobar 23 anos após a sua morte.

Recentemente foi lançada pela Netflix a segunda temporada do seriado “Narcos”, série onde Wagner Moura interpreta um dos maiores narcotraficantes que o mundo já viu, Pablo Escobar. A série se tornou um grandioso sucesso, sendo uma das mais vistas mundialmente, por retratar como Escobar assombrou o mundo inteiro e como a sua existência foi e é até hoje um verdadeiro lembrete de violência, ganância, corrupção e dos perigos envolvendo a história colombiana.

A história conta como Escobar arquitetou e organizou simplesmente o maior cartel de drogas do mundo, o que lhe rendeu dentro do meio, temor, fama, poder e muito (muito dinheiro). Escobar chegou a ser considerado em 1989, o sétimo homem mais rico de todo o mundo, com US$ 25 bilhões de dólares, como patrimônio.

Escobar era um criminoso brilhante, e ele sabia que seria mais seguro se as pessoas comuns de Medellín o amassem. Por isso, ele gastou milhões em parques, escolas, estádios, igrejas e até mesmo habitação para os mais pobres dos habitantes de Medellín. Sua estratégia funcionou: Escobar era amado pelas pessoas comuns, que o viam como um garoto local que tinha se dado bem e estava retribuindo para sua comunidade.  Escobar ainda é lembrado pelos pobres de Medellín como um benfeitor. Ele tem sido objeto de numerosos livros, filmes e sites, e o fascínio ainda continua quando o assunto é este mestre do crime, que governou uma vez um dos maiores impérios do crime na história.

Entretanto, tanta fama e dinheiro de modo ilícito acarretaram em consequências que até hoje a sua família, de algum modo, está pagando.

A morte de Escobar

Em 2 de dezembro de 1993, as forças de segurança colombianas, utilizando  a tecnologia e ajuda do exército norte americano conseguiu  localizar Escobar se escondendo em uma casa em um bairro de classe média de Medellín.  O grupo de busca rastreou sua  posição, e tentou trazê-lo sob custódia. Escobar reagiu, no entanto, e houve um tiroteio. Escobar foi eventualmente morto a tiros enquanto tentava escapar no último andar. Ele havia sido baleado no torso e na perna, mas a ferida fatal veio através de sua orelha, levando muitos a acreditar que ele cometeu suicídio, e muitos outros a acreditar que um dos policiais colombianos o tenha executado.

 

Forças policiais colombianas e norte-americanas posam para foto ao lado de Pablo Escobar morto por tiros ao tentar escapar pelo telhado de um de seus esconderijos.

Forças policiais colombianas e norte-americanas posam para foto ao lado de Pablo Escobar morto por tiros ao tentar escapar pelo telhado de um de seus esconderijos.

 

Quando eu conheci a história de Escobar fiquei muito curioso a respeito do que teria acontecido com os integrantes de sua família após a morte de Escobar, o que teria acontecido com toda a fortuna que ele havia acumulado, com todos os bens que haviam sido comprados? Então resolvi pesquisar e trazer para vocês tudo o que encontrei a respeito da família Escobar 23 anos após a sua morte.

Alguns meses após a morte de Escobar, sua viúva relatou que eram constantes as ameaças que eles recebiam cobrando pendências de outros traficantes e bandidos o que estava transformando a família em um alvo certo para um  ‘acerto de contas‘. Com isso eles precisaram buscar asilo político na Argentina,  país que os acolheu e lhes deu a permissão para que tivessem as identidades modificadas e que assim pudessem receber novos nomes, deixando um pouco de lado o peso de carregar o sobrenome Escobar. Abaixo iremos ver como está alguns dos integrantes de sua família nos dias atuais.

 


Maria Isabel Santos Caballero (Maria Victoria Henao Vellejo) – A viúva de Pablo Escobar

Foto recente de Maria Isabel, a viúva de Pablo Escobar.

Foto recente de Maria Isabel, a viúva de Pablo Escobar.

 

A viúva de Escobar mudou-se para a Argentina com a família e teve a árdua missão de esconder sua identidade e de seus filhos, além de ter batalhado por um grande período de tempo, em busca de asilo político, concedido para eles poderem viver em Buenos Aires.

 

Foto antiga do casal, Pablo conheceu Maria quando ela tinha apenas 13 anos e ele tinha 24.

Foto antiga do casal, Pablo conheceu Maria quando ela tinha apenas 13 anos e ele tinha 24.

 

Maria Isabel conheceu o chefe do narcotráfico quando ainda tinha apenas 13 anos, enquanto ele já tinha seus quase 24. Logo começaram a namorar e viveram uma vida de luxo, perigos, ostentação e colheu os frutos dessa vida conturbada.

Ao lembrar que se apaixonou pelo sorriso e pelo olhar dele quanto tinha apenas 13 anos, Maria Victoria diz que as pessoas nunca deram espaço para conhecer a verdadeira história sobre o seu marido. De acordo com ela, todos estão julgando o que não conhecem.

 

“Sua família o amava e segue amando-o muito. Em geral, Escobar é visto por eles como uma pessoa muito afetuosa, bom pai, irmão, marido e filho. Ele tinha uma maneira de ser que agradava as pessoas.”

 

Em 2000 foi acusada de lavagem de dinheiro, junto ao seu filho, por conta de supostos traficantes do Uruguai. O que a fez alegar:  “Eu sou uma prisioneira na Argentina por ser colombiana. Eles querem experimentar o fantasma de Pablo Escobar, porque eles querem provar que a Argentina é a luta contra o tráfico de drogas”.

 


Juan Sebastian Marroquín Santos (Juan Pablo Escobar Henao) – Filho de Pablo Escobar

Sebastian Marroquín filho de Pablo Escobar, mostra uma camiseta de sua coleção.

Sebastian Marroquín filho de Pablo Escobar, mostra uma camiseta de sua coleção.

 

Herdou nitidamente as características físicas do pai, além do nome do pai ter sido inserido em seu nome oficial de batismo. Entretanto, pessoas próximas mais chegadas a Juan, disseram que o filho mais velho de Pablo Escobar é extremamente pacifista, por mais que ele assuma veementemente a admiração franca que sentia pelo pai narcotraficante.

 

Pai e filho juntos em foto antiga.

Pai e filho juntos em foto antiga.

 

Escobar Henao criou em 2010 uma empresa que projeta e produz  roupas recordando acontecimentos do século passado formadas por um grupo de seres, pacifistas, sonhadores, artistas, poetas, filósofos, sociólogos, profissionais de marketing, designers gráficos, treinador ontológica, arquitetos, estilistas humanos inquietação, ambientalistas e outros, buscando,  a partir da não violência e Cultura,  transmitir mensagens de paz, coexistência pacífica e bons exemplos para os jovens de hoje através da indústria da moda.

 

Sebastian é um pacifista reconhecido graças ao documentário “Pecados de Meu Pai”, documentário feito por ele que possui mais de dez prêmios internacionais e que conta a história de seu pai e da busca concreta de perdão e reconciliação com todos os filhos das vítimas da violência gerada entre seu pai e do estado colombiano.

No vídeo abaixo podemos ver um entrevista mais recente de Juan Pablo Escobar Henao, realizada em 2015, para o Fantástico, na entrevista o filho de Pablo Escobar conta como foi sua vida antes e depois da morte de seu pai, revelando segredos e histórias de sua vida, no final da entrevista podemos ver uma cena emocionante Juan Pablo Escobar Henao, retorna a Medellín para pedir perdão aos filhos das vítimas de seu pai, veja no vídeo abaixo:

 


Juana Manuela Marroquín (Manuela Escobar Henao) – Filha de Pablo Escobar

Juana Manuela Marroquín (Manuela Escobar Henao) filha de Pablo Escobar

Juana Manuela Marroquín (Manuela Escobar Henao) filha de Pablo Escobar.

 

Essa é uma das únicas fotos que se tem noticia em toda a Internet da filha de Escobar. A moça nunca teve a identidade revelada e a sua imagem sempre foi protegida pela mãe e pelo irmão, devido a sua total vontade de se ver e se sentir resguardada. Quando um de seus amigos da faculdade descobriu que ela era a filha de Pablo Escobar, ele começou a fazer bulling com ela, fazendo com que ela saísse da faculdade e começasse a estudar através de aulas particulares em seu próprio apartamento.  Ela se tornou tão sensível que o dia em que seu irmão e sua mãe decidiram aparecer publicamente, ela se recusou totalmente a dar qualquer declaração, de ir a televisão, ou até mesmo de estampar seu rostinho em alguma foto. No entanto, é difícil se esconder de tantos curiosos, algumas fotos delas estão aparecendo por aí, porem a mesma não gosta de aparecer, considerando que ela não é mais a queridinha de Escobar e sim uma moça de trinta e poucos anos que quer construir seu futuro sem ser lembrada pelas drogas e assassinatos.

 

Pai e filha em foto antiga.

Pai e filha em foto antiga.

 

Na época em que o pai era vivo, ela já pediu um unicórnio ao pai, que prontamente lhe deu um cavalo branco, e pregou lhe na testa um chifre para que ele parecesse o ser místico e mitológico em questão. O restante das informações à respeito da caçula de Escobar permanecem um mistério, de modo que satisfaça as pretensões da moça em permanecer discreta. Em uma entrevista feita pelo seu irmão Sebastian Marroquin, ele disse que o amor de Pablo era tão grande pela sua filha, que ele já chegou a queimar 2 milhões de dólares para manter a filha aquecida.

“ Eles ficaram isolados em uma casa nas montanhas de Medellin, cercados por barreiros policiais, estava fazendo muito frio e eles estavam sem provisões nenhuma. Ao amanhecer Manuela começou a apresentar sinais de hipotermia, porem as únicas coisas que eles tinham no esconderijo eram dois sacos com dois milhões de dólares, Escobar decidiu então fazer uma fogueira com eles para evitar que sua filha congelasse.”

Enquanto seu irmão agora é uma figura publica, Manuela buscar viver o mais longe possível longe dos holofotes, e esta foto com sua mãe e irmão é uma das únicas que mostram como a menina está nos dias de hoje.

 


O que aconteceu com a fortuna de Pablo Escobar após sua morte?

Pablo Escobar juntou uma fortuna inestimável, o valor de sua fortuna real nunca pode ser calculado de fato, pois ela estava espalhada em diversas propriedades, carros de luxos, objetos de arte e etc., Pablo também perdia uma grande quantidade de dinheiro, pois não conseguia lavar o dinheiro na mesma velocidade que conseguia ganhar dinheiro, sendo assim Pablo enterrava e escondia sua fortuna em diversos locais diferentes.

O filho de Pablo Escobar alegou que seu pai não era muito bom com números e que na verdade nem sabia quantos milhões ele tinha.  Disse que quando deixou o país após a morte de seu pai, o governo tomou tudo que ele tinha e a única coisa que herdará do seu pai havia sido um relógio.

“Tudo ficou nas mãos das autoridades e não das vítimas do meu pai, como deveria ser.”

O fato é que realmente Pablo Escobar perdeu muito dinheiro para a guerra na Colômbia, bancar o armamento, comprar as pessoas, subornar políticos e policiais custava bem caro, alem disso Pablo gastou muito dinheiro com propriedades e abrigos, principalmente nos últimos meses de sua vida, quando precisava mudar-se constantemente, Pablo chegava a gastar milhões com propriedades, geralmente realizava acordos boca a boca, sem documentação e escritura, pois não podia mostrar onde estava gastando seu dinheiro, após sua morte grande parte dessas propriedades foram perdidas, tomadas pelos traficantes rivais ou até mesmo confiscadas pelo governo. Como seu filho disse só lhe restou um relógio.

Eu mesmo pesquisei muito a respeito dos bens e fortuna de Pablo Escobar após a sua morte e confesso que achei poucas informações comprovadas a respeito de sua família e de sua fortuna, será que sua fama causa temor até hoje evitando com que informações sobre sua fortuna e família sejam divulgadas? Será que ainda existem pessoas ligadas a ele que estejam protegendo essas informações?

O fato que eu acredito é que mesmo perdendo grande parte de seus bens e fortuna após sua morte, a família de Escobar herdou sim uma boa quantia em dinheiro, pois Escobar era sem duvida nenhuma um homem com inteligência bem acima da média.  Uma pessoa que sabia e vivia com a pressão de que podia ser morto a qualquer momento, e, sabendo disso, Pablo Escobar não deixaria sua família desamparada após sua morte.